Um dia na Esposende e um Nike Studio Trainer Rosa

Num sábado qualquer eu fui ver se valia a pena ou não o Outlet da Esposende (na Cruz Cabugá, 304). Não sei qual foi o ano que comprei algum calçado nessa rede, já que as minhas últimas aquisições saíram em promoções da Arezzo e de uma de tênis que sequer lembro o nome.

Após ter andado dois quarteirões na fila exclusiva para ônibus (fail) chegamos ao local (com estacionamento próprio). Após ter muito calçado aqui e acolá (e não separado nenhuma sapatilha), migro para a área de tênis.

Estava satisfeita com as minhas duas escolhas e já não queria mais nada porém, estava na minha lista de compras futuras, um tênis meio sapatilha para ir ao centro de forma mais confortável.

Andando por aqui e por acolá vejo ele. Rosa, rosa, rosa. Mais rosa do que qualquer coisa que eu tive (acho que exceto uma calça que eu ia para a yoga). Ele não parou de chamar enquanto não o tive em minhas mãos.

Comentei com ele que era rosa demais. Ele gritava: Me experimenta, me experimenta, me experimenta. Até que eu cedi e experimentei o melhor tênis que eu já calcei. Sabe quando ele abraça todo o seu pé no conforto único? Pois é… Foi ele.

Nesse meio tempo já estava me achando louca tendo que levar outro sapato porém, não me importava. Era o que eu mais queria naquele momento. Hoje? Pareço menino pequeno que está louco para estrear o sapato novo.

Nunca tive cuidado realmente ao escolher um tênis. Sempre fui mais cuidadosa com as sapatilhas, por exemplo. Acho que esse veio para mudar conceitos.

Anúncios