Erros e acertos com a Torta de Alho-poró

Nem toda tentativa de receita acaba em sucesso, principalmente em adaptações de receitas com glúten para receitas sem glúten e agora também sem lactose. E nesse domingo  nesta terça-feira resolvi me arriscar e não deu muito certo.

A vítima da vez foi a torta de alho-poró.

dsc_0044
Recheio lindo e massa solada

O recheio ficou excelente, porém lógico que acabei dando uma roubadinha e coloquei itens que não estavam na receita como frango desfiado (estava sobrando do assado do dia anterior) e temperinhos extras. Só que a massa foi um problema.

A massa definitivamente não deu certo. Eu usei uma margarina da Becel que não tem lactose, por recomendação de grupos e ela não serve para isso. Quando se assa algo com margarina temos que prestar a atenção no % de gordura presente no produto. Ele vai determinar se a massa vai dar certo ou não. Essa Becel não tinha e acho que não foi o suficiente já que claramente faltou gordura na massa.

Dessa vez não dá para colocar a culpa exclusivamente na farinha sem glúten que, em alguns casos como tortas salgadas (tipo pastelão), ela dificilmente tem a liga necessária para que a massa fique boa. Já, inclusive, alterei a quantidade de Goma Xantana na receita em testes como esse e o resultado é muito impreciso ainda.

O recheio que deu certo (forma de 17 cm):

  • 1 alho poró
  • meia cebola picada
  • 1/2 colher de farinha preparada
  • meio copo de leite
  • sal, pimenta calabresa e um pouco de curcuma (leve!)
  • frango desfiado e refogado que estava na geladeira
  • Gel feito pela chia (evito usar só parte do ovo)

 

 

Anúncios