Kindle Paperwhite

IMG_20170404_161546
Foto provisória. Trocarei quando voltar a ter uma câmera legal

Após 4 anos bem usados, comprei um novo Kindle (Kindle Paperwhite) para mim e não foi por mal funcionamento do anterior de forma geral, e sim por ele ter começado a apresentar a real idade além de que a ausência da iluminação sempre me fez falta, já que além e ler nas horas do almoço, leio ainda mais à noite, um pouco antes de dormir, e a luz do abajur nem sempre é o suficiente em todas as posições.

O Kindle da quarta geração e que não está mais a venda há anos pela Amazon (iria escrever na só que nem na Amazon eu comprei na época e sim na Ponto Frio), porém digo e repito: foi a melhor compra de tecnologia e uma das melhores considerando todas as compras que eu já fiz. Gadged incrível para quem, assim como eu, gosta de ler. Para quem tem dúvidas, preferi um celular inferior a um Kindle. Prefiro a ausência de passar alguns dias sem celular do que a falta que esse aparelhinho faz na minha vida em poucos dias.

Com o novo não poderia ser diferente. Sim, ele parece ser um tanto mais pesado (e a balança eletrônica sem pilha não me deixa confirmar) do que o meu anterior e a sua bateria dura menos também, o que é totalmente compreensível se repararmos no sistema que roda nele hoje e na iluminação.

Ainda estou em fase de adaptação e confesso que ainda não me entendi com a organização desse novo. Nada que atrapalhe a minha vida só que é sempre mais fácil iniciar organizado uma biblioteca (como foi com o anterior) do que organizar uma biblioteca já existente num ambiente novo. Parecido com o que ocorre com livros físicos? Totalmente. Só que sem o peso e a poeira deles.

Nessa nova versão o touch screen também é novidade para mim. Confesso que eu ainda aperto suas laterais de vez em quando ou passo mais paginas do que deveria, chegando a me perder uma ou duas vezes em uma leitura por conta dessa passagem. Só ainda não tenho o que reclamar.

Sei que dessa vez já resolvi tomar vergonha na cara e comprar a capinha dele enquanto ele não está todo arranhado de ser jogado de um lado para outro dentro da minha bolsa. Aliás, um dos itens que eu preciso comprar é uma bolsa pequena e básica e a sua principal referência é o tamanho do Kindle: tem que cabê-lo tranquilamente e também não ser muito maior do que ele.

Ok, chega porque ainda não estou sendo paga pela Amazon para expressar meus sentimentos verdadeiros pelo Kindle.

Anúncios